quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Benefícios da Tapioca



O consumo de tapioca sempre foi costume na minha casa, desde que me entendo por gente :D Mas sempre fazíamos o consumo alternado com outros pães carboidratos haha...

Porém, depois da descoberta da minha sensibilidade ao glúten, a tapioca passou a ser minha opção número 1 para o café da manhã. Uma vez que, eu adoro (!!) e trata-se de um produto, derivado da mandioca, naturalmente isento de glúten.

Lógico que não sou a única que adora tapioca, né?! Já fazem alguns anos que a tapioca vem caindo cada vez mais no gosto das pessoas e se tornando mais e mais consumida. Algumas das razões pra esse crescimento, decorre do fato de que é um alimento que tem uma grande capacidade de combinar com vários outros, sendo tão "neutro" quanto o pão.

Outra razão, é a onda fit, que fez com que a tapioca se popularizasse bastante entre aqueles que frequentam academia, fazem atividades físicas ou que simplesmente desejam manter um estilo de vida mais leve.

Mas a pergunta é, você sabe, realmente, o que a tapioca faz pelo seu organismo?! Elenquei aqui abaixo alguns dos benefícios. Vamos ver:

1- Ferro: a tapioca possui Ferro em sua composição, por isso, auxilia na criação de novas células vermelhas no organismo, ajudando a combater a anemia, bem como, melhorando a circulação sanguínea.

2- Vitaminas do complexo B e Ácido fólico: importante para formação de proteínas estruturais e hemoglobinas. Bom ser incluída na dieta das mamães em fase de gestação, pois essas vitaminas ajudam a combater algumas má formações no tubo neural do baby.

3- Atividades físicas: a tapioca é um carboidrato de alto índice glicêmico, ou seja, proporciona uma absorção mais rápida de glicose. Sendo ideal para ser consumida pós-treino para repor as energias.

4- Baixo teor calórico: uma tapioca de 50g tem a mesma quantidade de calorias que uma fatia de pão de forma.

5- Natural: como se trata de uma alimento feito somente à base de farinha e água, a tapioca é livre de sódio, gorduras, açúcar e compostos químicos.

Os únicos pontos negativos da tapioca, é que ela possui poucas fibras e proteínas. Problemas que podem ser solucionado com a simples adição de sementes chia na massa ou adicionando um recheio proteico, como peito de peru. 

Outra vantagem dessas opções mencionadas acima, é que a adição de fibras e e proteínas acabam por diminuir o índice glicêmico da tapioca, podendo, desta forma, ser consumida por diabéticos, sempre mantendo cautela, claro.

Sugestão de uso da chia: 1 colher de chá de chia para cada duas colheres de sopa de tapioca, e segue o preparo normalmente. Coloca na frigideira, espalha, espera desgrudar da panela, vira e pronto!

Espero que gostem!

Até amanhã ;)



Nenhum comentário:

Postar um comentário